Sub-13 do Água Santa “massacra” time do Jabaquara com goleada de 5×1 no Piraporinha

DSC0069Cinco jogadores do Netuno deixaram sua marca e assinaram seu nome com gols na vitória de sexta-feira, no feriado. Gabriel, Guilherme, Matheus, Lucas e Arthur, foram os autores do “massacre”

Elias Lubaque

O primeiro gol foi do time visitante, com 4 minutos de bola rolando, mostrou que vieram para ganhar, pressionando e impressionando, mas não durou muito. Sem se abalar com o gol sofrido, o time do sub-13 colocou a bola no meio de campo e deu andamento na partida. Com um bom toque de bola, foram envolvendo o time do Jabaquara com facilidade, e não demorou muito, aos 11 minutos, Gabriel empatou a partida. Tudo igual. O Netuno cresceu em passo largos e 8 minutos depois, Guilherme, fez o segundo. Logo no segundo tempo, aos 36 minutos de partida, Matheus, marcou o terceiro, e o massacre, a goleada histórica dessa garotada, foi se escrevendo.

Aos 48min. Lucas deixou o dele e foi para a torcida. Nesse momento a molecada do Agua estava em grande alegria e “desfilava” em campo. E o jogo não tinha acabado, e nem mesmo os gols, e foi quando entrou Arthur para finalizar a goleada, com um chute forte, sem chances para o goleiro adversário. Partida terminada, o Sub-13 terminou a fase em 1º lugar na Copa Bandeirantes.

Para o técnico Renato Souza, foi uma boa campanha e já pode pensar em uma formação para o ano que vem. “Um bom campeonato e uma boa preparação para os meninos jogarem o Paulista em 2016”, observou.

Presidente do Água Santa

Paulo Sirqueira, compareceu para prestigiar a base do Netuno, sub-11 e 13 que vem fazendo bons jogos. Ficou na arquibancada, comemorou com os gols e tirou fotos com os garotos. “Fico feliz por cada garoto que está aqui no time, tudo começa aqui com essas crianças, eles serão o futuro”, comenta o presidente do Água Santa, Paulo Sirqueira.

Ele comentou rapidamente sobre a situação do time profissional e se demostrou confiante. “Daqui uns dez dias teremos o veredito final, e se Deus quiser estaremos no Paulistão 2016 porque entregaremos o estádio para estreia”, comentou.